O Ano Acabou

O Ano Acabou

0 434

Tiraram a árvore da caixa hoje. Equilibraram-na logo ao lado da portaria, como nos anos anteriores. Tenho a impressão que nem a desmontam mais, só a guardam em alguma sala empoeirada onde sempre é Natal. Frutífera de luzezinhas o ano inteiro. Enquanto espero o elevador ouço o papo vindo das velhinhas – Já era, acabou o ano – olhando pros números em contagem regressiva acima da porta – Voou. Esse ano voou – completou a outra.

Eu fico aflito com esse tipo de conversa. Como assim “já era”? O que foi que acabou, gente? Em trinta dias dá pra viver mais do que você já viveu até hoje. Ainda dá tempo de mudar a cor sem graça da parede da sala, ainda dá tempo de doar as roupas que não vestem, ainda dá tempo de aprender a cozinhar, ainda dá tempo de tomar gosto pela corrida. Juro que dá.

Ainda é possível perdoar, ainda dá tempo de dar um presente de dia do amigo, ainda dá tempo de escrever um roteiro, ainda dá pra ler aquele livro que você sempre mentiu por aí ter lido. Ainda dá tempo de pegar a estrada, de mudar de rota, de pendurar os quadros, de se matricular na ioga, de não levar desaforo pra casa, ainda rola de descasar. Pelos deuses que ainda dá, pra aprender a pedir comida em francês, de vender a TV e correr pra Paris.

Ainda dá tempo de mudar de profissão, de aprender a usar o aplicativo esquisito que todo mundo tem. Ainda dá tempo de virar vegano, de se tornar um expert em pintura vitoriana, de ter um cachorro no pé da cama. Vai que dá! Dá pra descobrir como é que medita, como é que desculpa, como é que tem gente que se equilibra em cima de uma bicicleta e vai. Vai que dá, ainda dá tempo de descobrir seus desejos, atiçar seus sonhos, embromar seus medos, vai que ainda dá tempo de se apaixonar de novo.

Diego Engenho Novo


Curta a minha página no facebook:

https://www.facebook.com/DiegoEngenhoNovo/

twitter: @engenhonovo

snapchat: diegoengenho

instagram: @engenhonovo

youtube.com/diegoengenhonovo

https://plus.google.com/+DiegoEngenhoNovo

 

SIMILAR ARTICLES

0 55

0 208